fbpx
00 34 91 005 42 79 brasil@escuelaelbs.lat
  • Español
  • 0 Item

    A psicologia é uma disciplina muito ampla e a definição dos tipos de psicólogos nem sempre é simples. Desde a psicanálise ao ambiente em que trabalham, há muitos elementos a ter em conta. Contudo, podemos ter a certeza de uma coisa, e que é que cada um dos nossos problemas requer uma abordagem diferente.

    Inscreva-se no nosso mestrado em psicologia infantil e adolescente para aprender a desenvolver todos os conhecimentos fundamentais de inteligência emocional, psicologia e acompanhamento.

    Tipos de psicólogos profissionais

    Como já mencionámos, existem diferentes tipos de psicólogos. A imagem do terapeuta a tomar notas e a ouvir o paciente que fala deitado num sofá está desatualizada (e, além disso, não corresponde à realidade desta profissão). Dependendo do tipo de trabalho que realizam, podemos encontrar até 12 tipos de psicólogos:

    • Psicólogos clínicos
    • Psicólogos da educação
    • Psicólogos do desenvolvimento
    • Psicoterapeutas
    • Investigadores
    • Neuropsicólogos
    • Psicólogos do trabalho
    • Psicólogos sociais
    • Psicólogos forenses
    • Psicólogos do desporto
    • Sexólogos
    • Outros

    Como pode ver, nem todos são classificados conforme o foco da sua terapia. Enquanto encontramos alguns que o fazem, outros assumem especial relevância devido ao ambiente em que desempenham as suas funções (criminalista) ou ao campo em que se especializam (relações íntimas), por exemplo. Isto permite-nos quebrar o mito da psicologia e compreender que existem muitas formas de abordar a mente humana.

    Agora, pode perguntar, qual é o melhor?

    Que tipo de psicologia é melhor?

    Não há um tipo de psicologia que seja melhor que outro, mas sim abordagens mais ou menos apropriadas para tratar a mesma perturbação. Se o que nos preocupa é o caso de um adolescente com transtorno de atenção, procuraremos uma abordagem diferente daquela que usamos para tratar um adulto com depressão. Por este motivo, é útil conhecer os tipos de terapia psicológica.

    Quantos tipos de terapia psicológica existem?

    Embora exista atualmente uma corrente predominante de psicologia, isto não implica que em todos os casos funcione da mesma forma ou que seja sempre a mais apropriada para todas as perturbações. Não reage da mesma forma que a sua mãe reage? Não reagem algumas pessoas de forma diferente às más notícias?

    Por esta razão, devemos conhecer os tipos de terapia psicológica que existem e para que tipo de perturbações oferecem normalmente os melhores resultados.

    Terapia cognitiva e de conduta

    A terapia cognitiva e de conduta baseia-se na ideia de que não nos devemos limitar a modificar como a pessoa interage fisicamente com o seu ambiente e com os outros. Pelo contrário, considera que este processo de modificação de comportamento deve ser combinado com o de modificação de crenças e modos de pensar. Desta forma, um processo acompanha e reforça o outro.

    O terapeuta “treina” o paciente para interpretar a realidade de uma forma mais equilibrada, e para converter pensamentos negativos em pensamentos construtivos. É uma terapia que tem sido cientificamente comprovada como sendo eficaz no tratamento de muitas doenças e problemas, com um impacto particular na depressão, bulimia, perturbações somatoformes ou bipolares, por exemplo.

    Terapia de conduta

    A terapia de conduta está intimamente ligada à terapia cognitiva-comportamental. Contudo, concentra-se em processos psicológicos não verbais que não dependem de como o indivíduo pensa, mas sim de como ele ou ela age. É particularmente útil quando se lida com crianças e adolescentes, e provou ser eficaz em problemas como o encopresis, ADHD ou distúrbios do sono.

    Terapia psicodinâmica

    Esta intervenção é inspirada pela conhecida psicanálise. O foco está nos pensamentos e sentimentos que não são conscientemente percebidos pelo indivíduo. O terapeuta e o paciente exploram os preconceitos inconscientes, vendo como se relacionam com como se comportam e criam uma autoidentidade, e as formas como isto pode levar a problemas. Este tipo de terapia tem sido considerado eficaz para a depressão ou distúrbio de personalidade limítrofe.

    Terapia de aceitação e compromisso

    Este tipo de terapia psicológica é chamado “terceira geração” e surgiu entre os anos 80 e 90. No entanto, embora relativamente jovem, provou ser eficaz para lidar com problemas como a ansiedade ou a depressão. A terapia de aceitação e compromisso visa criar uma vida rica e significativa para o paciente, aceitando o facto de que a dor é inevitável. Ao aceitar a dor, o paciente pode, por um lado, livrar-se de uma parte significativa da frustração e, por outro lado, desenvolver estratégias que lhe permitam lidar com os problemas de uma forma mais resoluta.

    maestrías en psicología y coaching

    Estudar psicologia na Escola ELBS

    Se está interessado em psicologia e gostaria de saber mais sobre esta disciplina, não perca a oportunidade de dar uma vista de olhos ao nosso mestrado em psicologia infantil e adolescente + coach e inteligência emocional. Através desta dupla formação poderá especializar-se numa das áreas mais interessantes da psicologia: o desenvolvimento infantil.

    Alguns dos principais aspetos em que poderá mergulhar são:

    Maestría Internacional en Psicología Infantil y Adolescente + Maestría Internacional en Coach e Inteligencia Emocional Infantil y Juvenil

    • O desenvolvimento de processos cognitivos básicos e superiores na infância.
    • Apego e a relação com os pais.
    • Desenvolvimento da personalidade.
    • O desenvolvimento da auto-estima da criança.
    • Ferramentas para o coaching educacional na sala de aula.
    • Prevenção do bullying

    Dar o passo para estudar o que amamos e investir em nós próprios não é fácil, mas é gratificante. Se pensa que já pensou demais, ou se é uma pessoa determinada que quer avançar e alargar a sua formação, peça-nos todos os detalhes. Nós ajudá-lo-emos a concentrar a sua formação!